Tesla Model S – O Carro Elétrico que une Elegância e Conforto

Compartilha aí!Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0

Tesla Model STesla Model S 2015

Carros elétricos sempre encontraram dificuldade em entrar no mercado e brilhar aos olhos dos consumidores. Além de caros, muitos deles não possuíam um design elegante e possuíam muitas limitações com relação à velocidade, desempenho e manutenção, fatores que os deixaram muito distantes dos holofotes por um longo tempo. No entanto, Elon Musk, grande empreendedor do vale do Silício que criou a SpaceX e é co-fundador do PayPal, decidiu entrar em campo para mudar isso.

Um pouco de História

A Tesla Motors foi fundada em 2003 por Martin Eberhard e Marc Tarpenning em São Carlos, Califórnia. Interessado no projeto dos dois de desenvolver um carro esportivo totalmente elétrico, Elon liderou a primeira rodada de investimos da empresa, em 2004, tomando a frente da empresa. Sua ideia era criar um carro elétrico que corresse de verdade.

A união das forças resultou no Tesla Roadster, um carro elétrico que pode andar 350km numa única recarga e acelera de 0-100 km/h em 3,9 segundos. Além disso ele possui a carroceria do Lotus Elise, um pouco adapatada, o que lhe confere um ar único de carro esportivo e atrai olhares por onde passa. Ele foi ao mercado em 2008 e seu preço base inicial era de $109.000 (cerca de 350 mil reais) nos Estados Unidos. Foram vendidos cerca de 2.450 Roadsters em 30 países.

Tesla Rodster Um Tesla Roadster em toda sua elegância

A ideia de Elon era de alcançar um público mais abrangente, e como sucessor do Roadster ele planejou o Model S, um Sedã elétrico que uniria conforto, elegância e velocidade, além de ser eco-friendly. Ele deveria atrair os olhos dos riquinhos do Vale do Silício, principalmente os que defendiam causas ecológicas, e, posteriormente, abrir espaço para as linhas de carros elétricos populares que a Tesla almejava produzir.

Mesmo antes de sua produção, ele já possuía uma enorme lista de espera,  cuja taxa para inscrição era de 1000 dólares nos Estados Unidos e 1000 Euros na Europa.

Performance

Em seu modelo mais robusto, o P100D, o Tesla Model S consegue ir de 0 a 96 km/h em incríveis 2,5 segundos. Já no modelo de base (o 60), ele atinge essa velocidade em 5,5 segundos o que ainda é um tempo bastante satisfatório pra quem gosta de acelerar. Apesar disso, sua velocidade máxima é de 250 km/h em qualquer uma das versões.

Além disso, por ser completamente computadorizado melhorias são realizadas a todo momento. Funcionalidades como o piloto automático que chegam com novas versões do carro muitas vezes também podem ser baixadas nas versões mais antigas (assim como correções para problemas encontrados pelos consumidores).

No vídeo abaixo é possível ver um Model S P90D acelerando:

Design

O Model S chama atenção por ser um Sedã completamente elegante. Isso se deve ao empenho de Franz von Holzhauser, ex-designer da Mazda em satisfazer os caprichos de Musk. Ele projetou um carro que, tanto por dentro quanto por fora, é de deixar qualquer um babando.

Suas maçanetas permanecem embutidas, rentes às portas do carro e completamente discretas, saltando lentamente ao aproximarmos a mão. Onde costumamos encontrar o motor do carro, encontramos um porta-malas “bônus”. Já o porta-malas traseiro, também pode ser utilizado para levar até duas crianças, se erguido o banco sob o piso, porém, nesse caso elas viajam de costas para o motorista.

Em seu interior, percebemos logo de início um enorme tablet (tela de 17”) que é responsável basicamente por todo o controle do carro: som, configuração do modo de energia e acompanhamento da bateria, gps e definição de trajeto(útil no modo de piloto automático), ar-condicionado e até mesmo a suspensão pneumática(opção que deve ser adquirida durante a compra). Além disso é visível o cuidado que se teve em realizar um acabamento de primeira:  os confortáveis bancos de couro,  o toque amadeirado, os detalhes de cada canto.

Interior do Tesla Model S P85D

A Tesla disponibiliza a opção de solicitar o carro pelo seu site. Após definir o modelo desejado ele abre a ferramenta Design Studio, que lhe permite escolher entre as diferentes versões do carro disponível e customiza-lo como num jogo de videogame: é possível alterar sua pintura, o aro, entre o teto comum e o teto solar panorâmico, etc. Além disso ele lhe dá informações do valor dessas alterações, o quanto você economizará comprando o modelo definido e em quais locais e datas estará disponível:

No entanto, podemos encontrar algumas falhas, por exemplo: a falta de um compartimento específico para guardar itens pessoais ou um lugar onde passageiros na parte de trás possam depositar suas bebidas. Além disso, a tela é um pouco exagerada o que pode desconcentrar os usuários em sua função de navegar pela web.

Bateria e Recarga

As baterias também dependem da versão do carro. Na mais básica as baterias são de 60kWh, enquanto na mais robusta são de 100kWh. Nesta última, ele faz até 500 Km com a carga completa.

A empresa ainda disponibiliza diversos pontos de recarga por todo os Estados Unidos e a Europa. Sendo assim, uma vez que você possui um Tesla, nunca mais terá que gastar um centavo sequer com combustível. Além dos centro de recarga convencionais, a Tesla recentemente se empenhou na construção de super estações de recarga(de 480v), que permitem carregar o carro rapidamente – em meia hora ele já possui autonomia para 240 km de estrada e em 90 minutos sua carga fica completa.

Para utiliza-la você só precisa pressionar o botão que acompanha o carro que automaticamente se abrirá uma seção onde você deve plugá-lo. Através do painel é possível acompanhar o progresso de recarga e quanto é possível percorrer com a carga atingida. Você também pode recarrega-lo em casa,  porém, isso leva 8 ou 12 horas (se a rede elétrica for de 240v ou 110v, respectivamente).

Além disso o Model S utiliza um sistema de frenagem regenerativa onde o motor é revertido e se torna um “gerador”, transformando a energia cinética em elétrica e transmitindo-a diretamente para as baterias.

Tecnologias

Devido ao seu software de alto nível, o Model S possui uma integração fora do normal. Ele foi criado como um carro do futuro, capaz de garantir ao seu dono a sensação de total controle. Você consegue definir sua velocidade máxima, o modo de corrida(como num computador onde você pode escolher entre o modo econômico ou de alto desempenho), entre outras coisas. A ideia de Musk é que os carros da Tesla sejam, mais que um objeto de consumo, um estilo de vida, assim como Steve Jobs fez com o iPhone. Ele quer atrair uma legião de discípulos, aficionados pelo produto. Veja abaixo algumas dessas tecnologias:

Piloto Automático

Conforme eu já comentei, recentemente a Tesla lançou o sistema de piloto automático, função ativada com um leve toque do polegar, num botão presente no volante. Com a rota definida no GPS, ele seguirá na velocidade definida, sempre alternando-a conforme o limite de velocidade da via na qual se encontra. Ele possui câmeras e radares que são capazes de identificar objetos e automóveis ao redor. A sensação chega a ser estranha conforme você pode conferir no vídeo abaixo:

De toda forma o sistema não é 100% livre de falhas e o sistema lhe avisa desde o início a permancer alerta à pista, para que possa tomar controle caso perceba qualquer irregularidade ou ele apresente alguma dificuldade de realizar a “leitura” da pista.

No início do ano, foi registrado um acidente que resultou na morte do motorista que utilizava o sistema de piloto automático em um Model S.

Sistema de Suspensão Automática

Disponível em alguns modelos, ele permite que você ajuste a altura do veículo de acordo com sua preferência e necessidade. Isso é muito útil de acordo com o relevo da pista onde você se encontra. Está passando por uma região cheia de lombadas ou pistas cheias de desnível? Aumente sua suspensão. Quer acelerar pra valer numa rodovia livre? Rebaixe um pouco. Usando o sistema de GPS, ele irá se lembrar das suas configurações manuais e aplicá-las automaticamente de acordo com a localidade. E tudo isso você define diretamente no painel de controle. Foda não é mesmo?

Porta-Malas Autoajustável

A chave do Model S é uma miniatura do carro. Apertando a parte de trás da chave ele irá abrir o porta-malas. De início ele o abre completamente, mas você pode regular para sua altura de preferência, a qual ficará registrada para as próximas vezes que você mandar o comando de abertura.

Direção sem chaves(Keyless Driving)

A Tesla disponibiliza um aplicativo pelo qual você consegue controlar diversas funções do carro(assim como no painel de controle). Uma dessas funções é a “keyless driving” na qual você consegue dirigir sem as chaves(você também consegue abrir o carro pelo aplicativo). Selecione a função, insira a sua senha e o carro estará pronto para dar partida em até dois minutos.

Enfim, basicamente o Tesla Model S é um carro capaz de lhe dar uma experiência incrível. Sua aceleração de 0-100km/h é uma das mais rápidas no mundo, dando-lhe a sensação de estar numa montanha russa, e além de bater muitos carros esportivos ele serve como um carro familiar por ser extremamente espaçoso(transportando até sete pessoas). Além disso, tem um design completamente elegante e reúne o que de há mais moderno e inovador em sua tecnologia. O preço é um pouco salgado se comparado com carros populares – seu valor é de $56.000 a $96.500, o que em reais fica em torno de R$170.000 a R$320.00- porém, isso a justificável dado tudo que ele oferece. Infelizmente, teremos que aguardar um tempo para que essa nave chegue ao nosso país(apesar de Musk ter comentado num tweet sobre planos de expandir para a América do Sul), e vamos torcer para que os impostos não deixem seu preço tão abusivo quando isso acontecer.

Compartilha aí!Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0

Você também pode gostar de...

Comenta aí!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *